Histórico

INICIALMENTE, Anajatuba foi uma aldeia de índios. Durante o período colonial, os silvícolas foram-se afastando em razão das perseguições movidas pelos colonos, que se fixaram na região, a procura de lugares apropriados a Criação do gado.

Em 1854, Anajatuba foi elevado a categoria de Vila e Sede do Município, desmembrado do de Itapecuru-Mirim. Suprimido no ano de 1933, seu território foi anexado ao do município de Rosário, até 1935, quando se restabeleceu a autonomia.

Há controvérsias quanto à origem do topônimo. Alguns afirmam ser formado das palavras brasílicas, anajá = espécie de palmeira e tuba = freqüência, abundância e significar anajazal – lugar abundante de anajás. Para outros, provém dos vocábulos da língua tupi, anajá ou inajá, significando árvore de inajá.

Os naturais ou habitantes do Município são chamados anajatubenses.

Gentílico: anajatubense

Formação Administrativa

Elevado à categoria de município e distrito com a denominação de Anajatuba, pela lei provincial nº 359, de 22-07-1854, desmembrado do município de Itapecuru Mirim. Sede na Vila de Anajatuba.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município é constituído do distrito sede. Pelo decreto nº 539, de 16-12-1933, o município é extinto, sendo seu território anexado ao município de Rosário. Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o Anajatuba figura com o distrito do município de Rosário.

Elevado novamente à categoria de município com a denominação de Anajatuba, pelo decreto nº 870, de 05-07-1935, Anajatuba, pelo decreto nº 870, de 05-07-1935, desmembrado de Rosário. Constituído do distrito sede.

Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, o município é constituído do distrito sede. Pela lei estadual nº 269, de 31-12-1948, é criado o distrito de Porto das Cabarras e anexado ao município de Anajatuba. Em divisão territorial datada 1-VII-1960, o município é constituído de 2 distritos: Anajatuba e Porto das Cabarras. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2005.

 

 

Fonte:IBGE