Histórico

Em 1942, chegou o piauiense Absalão Cândido Feitosa que, se aliando o quatro primeiros povoadores, iniciou o desbravamento através de grandes lavouras.

A existência de vastos campos, com exuberante pastagem, propiciou a exploração de pecuária, embora em pequena escala. Com meio de subsistência, os lavradores desenvolveram a caça e a pesca, encontradas em abundância.

Com o advento da estrada BR-135, a povoação tomou grande impulso, experimentando elevado crescimento populacional. Desenvolveu-se o comércio, apareceram as primeiras indústrias e o povoado progrediu em termos de urbanização paralela à BR-135.

Pela Lei Estadual nº 2.170, de 26 de dezembro de 1961, foi criado o município, desmembrado de Coroatá e Bacabal.

Um dos primeiros povoadores da localidade, adepto fervorosos de São Mateus, deu ao povoado

o nome de Santo de sua devoção.

Gentílico: são-mateuense ou são-mateusense

Formação Administrativa

Elevado à categoria de município e distrito com a denominação de São Mateus do Maranhão, pela lei estadual nº 2170, de 26-12-1961, desmembrado dos município de Bacabal e Coroatá. Sede no atual distrito de São Mateus do Maranhão ex-povoado de São Mateus. Constituído do distrito sede. Instalado em 27-05-1962.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído do distrito sede.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2005.

 

 

Fonte:IBGE